Salvador de Bahia


“Aqui amanhece como em qualquer parte do mundo mas vibra o sentimento de que as coisas se amaram durante a noite”
Carlos Drummond de Andrade

Diz a bahiana, sem idade chamada “a namorada do Petit Prince” apos um caso amoroso com Saint-Exupéry, que se encontrava de passagem. Ligada à Bahia como uma arvore às suas raizes, ela recusa o convite do aviador para embarcar para um outro pais.